Måned: juli 2013

Vim parar no Brasil

Vim parar no Brasil

Meu marido finalmente começou a escrever seu blog, Vim Parar no Brasil. Eu o estou ajudando com as postagens em português, um verdadeiro trabalho em equipe.

Temos sofrido muito com o frio que anda fazendo em São Paulo. Esquecemos que as casas no Brasil não têm aquecimento elétrico, então sentimos falta de um fogão à lenha para aquecer a casa. Sente-se mais frio no Brasil dentro de casa do que na Noruega, porque lá, mesmo se a temperatura for 30 graus negativos do lado de fora, sempre temos cerca de 25 graus positivos dentro de casa. Aqui não: se está 10 graus do lado de fora, está também 10 graus dentro de casa. Nos arrependemos de não haver trazido mais roupas de lã da Noruega. Felizmente, os dias estão esquentando novamente e esperamos por dias mais ensolarados e quentes por aqui. Sabemos que ainda é inverno, creio que em setembro a primavera chegará.

Acabei de ler o livro The Help, gostei muito. Li também O Cortiço em versão digital. Agora vou começar o diário da tia avó do Morten como missionária no país de Camarões na África. Como é bom poder escolher o que se quer ler!

A volta ao Brasil depois de dois anos de ausência, sete ao todo morando fora daqui me fez ver certas coisas com perspectivas totalmente diferentes. As novelas da Globo, por exemplo, que antes eu assistia meio que automaticamente (nunca fui noveleira, mas assistia passivamente), são agora para mim tão desinteressantes, tão repetitivas, tão fora da realidade! Respeito quem gosta, mas não me vejo mais assistindo novelas das 18hs até as 23 hs (agora tem até novelas das 23hs!). Vou usar meu tempo para ler, ver filmes e séries em DVD.

Mais sobre diferentes perspectivas nas próximas postagens.

Como é bom estar de férias!

Como é bom estar de férias!

Estou agora escrevendo direto de São Paulo, depois de uma semana na Espanha com a família do meu marido e uma viagem longa via Oslo e Milão. Tudo correu muito bem, não perdemos nenhum voo e nenhuma bagagem, e agora estamos desfrutando o inverno paulistano, com temperaturas altas durante o dia, mas baixas durante a noite. Emprestamos a casa dos meus avós, que estava desocupada. Tivemos muito trabalho para deixá-la habitável, mas agora sentimos que temos uma casinha aconchegante. Estamos passando os dias correndo atrás de documentos, arrumando a casa e descansando também.

Quando estávamos na Espanha, recebi as notas da faculdade. Tirei um A e dois Bs (as notas vão de A a F, sendo que F é reprovação).  Fiquei muito feliz, pois consegui tirar notas altas apesar de todas as outras coisas que tiver que fazer enquanto estudava. Com isso posso me considerar professora do ensino fundamental e médio na Noruega! 😀 O diploma vai chegar só em setembro ou outubro, mas com as notas já posso documentar minha formação superior.

Meu marido vai começar a escrever um blog contando as suas impressões e experiências. Ele já havia estado aqui antes, por períodos curtos, mas agora vamos ficar mais tempo. A ideia é escrever em norueguês e em português com a minha ajuda, mas vamos ver o que conseguimos fazer. O blog vai se chamar, claro, «Vim parar no Brasil».