Måned: oktober 2015

Blog abandonado, 9 anos de Noruega!

Blog abandonado, 9 anos de Noruega!

Infelizmente deixei muito de lado a dedicação a este blog. A perda do meu pai me abalou muito, parece que escrever aqui perdeu o sentido para mim em muitos aspectos. Mas visito o blog regularmente e hoje resolvi responder a alguns comentários pendentes e escrever esta curta postagem contando o que tenho feito nos últimos meses.

Nas férias de verão deste ano eu e Morten viajamos ao Brasil. Ficamos a maior parte do tempo em São Paulo, mas viajamos também a Arraial d’Ajuda na Bahia por uma semana. Adoramos o lugar e as pessoas, definitivamente queremos voltar.

Em agosto me matriculei em três matérias de religião na faculdade (NTNU). A ideia era conseguir mais 60 créditos para passar da posição de adjunkt (professora com créditos em três matérias + pedagogia) para adjunkt med opprykk (professora com créditos em mais de três matérias + pedagogia). Estava muito animada, comprei os livros e comecei a ler, mas depois de dois meses percebi que teria que escrever trabalhos muito extensos além de fazer os exames em dezembro. Isso tudo ao lado do meu emprego em período integral e casa para cuidar. Joguei a toalha. Não foi fácil engolir a derrota, mas após muita reflexão eu cheguei à conclusão de que já estudei muito para chegar onde cheguei, e não tenho que provar mais nada nem para mim mesma, nem para os outros. Penso em fazer essas matérias no futuro, mas não juntas. Acho que consigo fazer uma por semestre. As matérias em questão são: Iniciação ao cristianismo, Cristianismo pagão e Arte e religião (esta eu definitivamente vou cursar!)
Quero também cursar matérias sobre outras religiões, já que eu leciono a matéria KRLE (Kristendom, Religion, Livssyn og Etikk – Cristianismo, Religião, Visão de vida e Ética) na escola norueguesa.

Há duas semanas, nas férias de outono daqui, eu e Morten arrematamos uma viagem super em conta para Praga, na República Tcheca. Primeiro fomos de carro até Oslo, e de lá pegamos o avião até Praga. Me encantei pela cidade, tenho muitas fotos, posto talvez mais tarde.

Semana passada eu finalmente dei entrada no processo de naturalização. Eu vou me naturalizar norueguesa, porém sem ter que perder a nacionalidade brasileira. As leis da Noruega não permitem que um cidadão norueguês tenha duas cidadanias, mas as leis brasileiras por outro lado proíbem que um cidadão seja forçado a desistir de sua cidadania. Ter um passaporte norueguês facilita minha vida fora da Noruega, não dentro. Tenho o oppholdskort, o cartão de residência permanente há vários anos, e com ele tenho direito a tudo que um cidadão norueguês tem. A única coisa que não posso fazer é votar nas eleições para o parlamento. Votei nas eleições municipais em setembro pela segunda vez sem problemas. Ser norueguesa facilita a vida nos aeroportos europeus, pois posso pegar a fila dos cidadãos de países Schengen, ou seja, os cidadãos de países europeus que assinaram o tratado de livre circulação. Viajar para os Estados Unidos é aparentemente mais tranquilo com o passaporte norueguês. Ouvi falar que há uma cerimônia na prefeitura todo ano com todos os «novos» noruegueses, e se eu obter a cidadania, vou comparecer com o meu bunad, sim!

Falando em bunad, eu preciso marcar hora com a costureira para fazer os ajustes. Quero fazer isso antes do 17 de maio.

Sei que estou devendo a segunda parte do vídeo do 17 de maio, vou postar. Estou pensando se começo a fazer vlogs no You Tube, como muitas brasileiras que morar aqui já fazem. Penso que é muita exposição, além do tempo que se usa editando e filmando. Mas é algo mais vivo, talvez mais interessante que postagens escritas. Não sei…