Kategori: Tradições da Noruega

Um pouco de tudo que se acumulou

Um pouco de tudo que se acumulou

A crise do petróleo da Noruega

Uma coisa que eu jamais pensei que aconteceria. O preço do petróleo está em baixa, e isso atingiu a indústria petrolífera aqui da Noruega, antes próspera e livre de riscos. Antes, engenheiros tinham emprego garantido antes de concluirem a faculdade. Agora, estão demitindo ou dando licenças a milhares de engenheiros nas maiores empresas que trabalham diretamente com o petróleo. O mercado de trabalho para profissionais nesta área está estagnado no momento.

Muito Brasil na TV norueguesa

O jornalista norueguês Arnt Stefansen faz muitas reportagens no Brasil e as chama de «billedbrev», algo como carta em forma de imagens. Outro dia exibiram uma sobre a popularidade do bacalhau norueguês no Brasil. Ele até explicou aquela brincadeira sobre ninguém nunca haver visto cabeça de bacalhau. Não sei se a NRK liberou o vídeo para o Brasil, mas aqui estão os links:

Bacalhau no Brasil

Sobre futebol feminino no Brasil

Jan Eggum i Brasil (o cantor Jan Eggum gravou um disco no Rio)

Fotballhelt på karneval (sobre quando homenagearam o ex-jogador Zico no Carnaval do Rio)

Um presente especial

A avó do meu marido me presenteou com seu precioso bunad, o traje tradicional norueguês. Cada região tem seu bunad característico, com cores e bordados diferentes. O meu bunad é o de Sør-Trøndelag, onde moro e é quase igual a este:

Foto: Norskflid
As únicas diferenças são o avental que tem a mesma cor, mas outro desenho, e a touca, que eu não tenho (e não quero). Além desse modelo com o colete e a saia azuis, existem o bunad vermelho, verde e o preto. Ganhei também a capa, que é assim:
Foto: Norskflid
Os broches, os brincos, as abotoaduras e o fecho da bolsinha são de prata. Nunca na minha vida eu pensei que um dia teria meu próprio bunad. Jamais teria condições de comprar um novo, que não sai por menos de 10 mil reais. Tenho que fazer alguns ajustes antes de poder usá-lo. Esta é a motivação que eu precisava para entrar definitivamente em forma. Quando tudo estiver pronto, penso em fazer um vídeo sobre o bunad. Quem se interessar em ver outros bunader pode visitar este site.
Muitos e-mails
Recebo quase diariamente e-mails de leitores do blog me perguntando sobre possibilidades de vir para a Noruega. Por falta de tempo e em razão da doença e falecimento do meu pai, o que causou meu afastamento das atividades do blog no começo do ano, eu não respondi a muitos e-mails que chegaram. Devo dizer que muitas das perguntas que me fazem já foram respondidas no blog. Sugiro que os leitores procurem a informação que desejam nas postagens antes de enviarem um e-mail. Alguns leitores pedem para eu arrumar-lhes empregos e moradia. Isso está, claro, fora do meu alcance.  Espero que ninguém me leve a mal.