Kategori: visto

14 de setembro de 2006. O dia em que a agonia acabou

14 de setembro de 2006. O dia em que a agonia acabou


São Paulo, Brasil, 14 de setembro, por volta de 5 horas da manhã. Meu celular, que está com o visor em branco devido a uma queda, toca. Eu, meio sonolenta, confundo a campainha da ligação com a do despertador. Aperto a tecla que ignora a ligação. O telefone toca novamente. Eu, mais uma vez, ignoro a ligação.

Alguns minutos depois, percebo que se tratavam de ligações, e não toques de despertar. Fico imaginando se não era o Morten, que havia prometido ligar se obtivesse uma resposta positiva da UDI. A dúvida paira na minha mente durante boa parte do dia. 

Mais tarde, por volta das 10 horas da manhã, enquanto assisto à TV, vejo na MTV o vídeo-clip da canção «Beautiful Day», do U2. Seria um sinal? Melhor não alimentar esperanças.

Por volta do meio-dia, verifico minhas mensagens. Não há nada. Logo, concluo que não há nenhuma novidade da UDI.

Vou trabalhar normalmente e às 16 horas no Brasil, 21 horas na Noruega, me conecto ao Skype para conversar com Morten, conforme o combinado. Pergunto que resposta ele obteve do funcionário da UDI e ouço:

«Quando você quer vir para a Noruega? Sua permissão foi enviada para o Consulado do Rio dia 07 de setembro!»




Já chorei e ri ao mesmo tempo hoje. Agora falta muito pouco.

Obrigada a todos que me deram forças durante esta espera.
Obrigada à UDI. O sistema funciona, afinal de contas.
Obrigada, meu amor, por ter tido tanta paciência e nunca ter desistido.

Obrigada, Deus, por ter atendido às minhas preces.